07/11/2017

Como dizia o poeta - Toquinho e Vinicius de Moraes


(Fotografia por Lieve Tobback)

Quem já passou por essa vida e não viveu,
Pode ser mais mas sabe menos do que eu.
Porque a vida só se dá pra quem se deu,
Pra quem amou, pra quem chorou, pra quem sofreu.

Quem nunca curtiu uma paixão
Nunca vai ter nada, não.

Não há mal pior do que a descrença,
Mesmo o amor que não compensa
É melhor que a solidão.

Abre os teus braços, meu irmão, deixa cair.
Pra que somar se a gente pode dividir.
Eu francamente já não quero nem saber
De quem não vai porque tem medo de sofrer.

Ai de quem não rasga o coração,
Esse não vai ter perdão.
Quem nunca curtiu uma paixão,
Nunca vai ter nada, não.


(para ouvir aqui)

31/10/2017

A menina do Adeus

A menina do Adeus deve ter uns 7 anos. Na plataforma de São Sebastião, de mão dada com o pai, assim que o metro se aproximava acenava vigorosamente para o condutor. O condutor nem sorriu, nem acenou, nem olhou para ela. A menina olhou para o pai numa tentativa de obter explicação, o pai encolheu os ombros e disse qualquer coisa que não percebi.
Como vi toda a situação assim que ela olhou para mim acenei. A menina olhou para o pai procurando saber se o podia fazer também. Retribuiu! Os olhos dela e os meus brilhavam!
Também eu sou ainda essa menina que acena aos autocarros, metros e comboios. Lembro-me de há quatro anos ter feito isso em Helsínquia e nunca, mas nunca, me terem devolvido um aceno.
Neste dia fiquei feliz, a cara triste d'A menina do Adeus estava feliz, antes de sair passou no meu banco e acenou. Não estava atenta e não vi logo, mas enquanto esperava junto à porta com o pai, virou-se e acenei, virou-se e deitei-lhe a língua de fora, virou-se e pisquei-lhe o olho!

A menina do Adeus estava feliz porque alguém a tinha visto.

Será que nos vamos cruzar mais vezes?

25/10/2017

Entrevista de Emprego - Perguntas & Respostas



Perguntas e Respostas a preparar para uma futura entrevista de emprego. A Tina Roth Eisenberg aka Swiss Miss é das pessoas mais inspiradoras que sigo por esta internet fora. Deixa-me sempre com vontade de ir por aí, demonstrar os meus sentimentos, arriscar, trazer o amor para a vida toda.
Todos os líderes de empresa deveriam ver esta apresentação e considerar estas nove questões para futuras entrevistas. 
#1_Why do want this job?
Refere que pede sempre uma carta de apresentação, onde se evidencie porque é que quer trabalhar na empresa e uma piada. São tão genuínas e engraçadas as histórias e os GIF's que partilha.
#2_Tell me something about yourself that I can't find on Google.
Estou tentada a fazer esta pergunta a toda a gente que conheço. Qual é a tua resposta?
#3_Do you consider yourself lucky?
Sobre esta também acredito no que uma vez ouvi, se a sorte vier que te apanhe a trabalhar. Acredito que podemos construir a sorte.
#4_Who do you admire?
Admiro pessoas criativas, a Tina - por tudo o que criou, a Ana Luísa - pela coragem, a minha amiga Marina - por toda a sua entrega e disponibilidade para o outro.
#5_When was the last time you went out of your way to do something nice for someone else?
Não sei responder a esta questão. Talvez esteja tão distraída na minha bolha que nem há essa oportunidade...
#6_What do you do when you're not working?
Leio blogues, fotografo. Gosto de andar, andar, andar... perdida pela cidade sem destino marcado, a imaginar ruas diferentes, instalações artísticas... 
#7_What do you miss most about your old job?
E não é que é mesmo os meus colegas? Gosto de continuar a encontrar-me com eles periodicamente, não desistir do melhor que os trabalhos me trazem: as pessoas!
#8_What's something you're bad at but wished you'd be good at?
Sou péssima em organizar-me (comida, roupa, finanças), em edição de fotografia, nas relações. Dá para ir comprar isso à Farmácia?
#9_Would you rather fart confetti or burp glitter?
Fácil. Peidar confetis! 

Depois de escrever isto pus-me a pensar que deveria ir ler o livro Licenciei-me e Agora da Catarina Sousa aka Joan of July, para melhorar o meu LinkedIn e o meu CV. A probabilidade de me fazerem estas perguntas numa entrevista é bastante reduzida... e é pena! O mundo precisa de mais amigos no trabalho.

22/10/2017

Bloggers Camp 2017 - O vídeo


O video do Bloggers Camp não é o melhor, mas foi o possível naquele fim-de-semana. As fotografias do evento podem vê-las aqui.

Mais sobre o BloggersCamp
Joan of July
Infinito Mais Um
Day Dreams
JiJi
Escrever Fotografar Sonhar
LCake
Nuts for Paper
a Sofia world
MeekSheep
Lolly Taste
Deixa Ser
Andreia Moita
O Melhor vem a Seguir
2Beleza
Pineapple T&T
O Dia da Liberdade
Kéké
Revista Calm




17/10/2017

VI Cartas a Sofia

Querida Sofia,

Os dias sabem a canja, bolo de cenoura e conversas à média luz na cave da parada.
As palavras são cozidas em lume brando, sem pressas e mexendo periodicamente para não queimar.
Os sonhos são servidos, a surpresa dos mecanismos mundanos surgem à mesa e desejamos desfiá-los, desmontar os paradigmas que não nos servem.
E quando a sede vier, um chá servido a preceito ou uma limonada adocicada com lima.
Haverá refeição mais bonita que esta de degustar a amizade partilhada, este carinho doce que acaba com a fome das saudades.

Que venham mais noites eternas para transformar o tempo... Obrigada.

EXPLICAÇÃO DA ETERNIDADE de José Luís Peixoto

"devagar, o tempo transforma tudo em tempo.
o ódio transforma-se em tempo, o amor
transforma-se em tempo, a dor transforma-se
em tempo.

os assuntos que julgámos mais profundos,
mais impossíveis, mais permanentes e imutáveis,
transformam-se devagar em tempo.

por si só, o tempo não é nada.
a idade de nada é nada.
a eternidade não existe.
no entanto, a eternidade existe.

os instantes dos teus olhos parados sobre mim eram eternos.
os instantes do teu sorriso eram eternos.
os instantes do teu corpo de luz eram eternos.

foste eterna até ao fim."

E a música que parece eterna quando no final da aula de Yoga Suspenso relaxo e o tempo dilata: Ong Namo - Snatam Kaur

-
Lucie Lu © , All Rights Reserved. BLOG DESIGN BY Sadaf F K.